/

Professores e estudantes protestam contra o retorno imediato às aulas e a EaD

Na tarde da última terça-feira (14), professores, estudantes e movimentos sociais realizaram um protesto e uma panfletagem na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro, contra o retorno imediato das aulas e o Ensino a Distância(EaD).

Foto: Erick Rosa / Mídia1508

Em defesa da pública, o ato enfatizou o carácter excludente da modalidade EaD que deixa à mostra toda da escola pública e dos docentes, assim como as parcerias público-privado que aprofundam a “uberização” do trabalhador docente. Dentre outras pautas estavam a garantia de uma renda básica a todos os trabalhadores durante a pandemia, direito à segurança alimentar dos estudantes, manutenção do isolamento sanitário enquanto durar a e recontratação de todos os trabalhadores e trabalhadoras terceirizados da limpeza e cozinha demitidos durante a pandemia.

Foto: Erick Rosa / Mídia1508

Os também denunciaram os governos e empresas que, durante o período de pandemia, têm se aproveitado para avançar com a privatização e da pública.

Para os da retornar às aulas de imediato em escolas sem qualquer estrutura básica, turmas superlotadas, onde falta água, luz, materiais de higiene, com alunos que moram com muitos familiares, é a continuação da política de genocídio aplicada nas favelas e periferias, desta vez, pela aglomeração forçada de pessoas sem condições sanitárias em meio à pandemia.

Mídia1508

A 1508 é um coletivo de jornalismo independente anticapitalista, dedicado a expor as injustiças sociais brasileiras e a noticiar as mobilizações populares no Brasil e no mundo.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias