contra a em , zona norte do .

Cinco pessoas foram baleadas em mais uma operação policial, na noite desta quinta-feira, na Para-Pedro, no Colégio, em Irajá, na Zona Norte do Rio. De acordo com as primeiras informações, um jovem morreu, dois idosos e duas crianças foram baleados, por volta das 20h30, em um dos acessos à , na Estrada do Colégio. Eles foram identificados como Apolônia Maria da Costa Nascimento, de 65 anos, Antonio Hermínio Barbosa, de 62, e Marquele Costa Coutinho, de 32. As crianças são duas meninas, uma de 7 e outra de 8 anos.

Revoltados, moradores ergueram barricadas e atearam fogo em pneus. Um ônibus foi incendiado.

As vítimas estavam saindo de um culto na igreja Assembleia de Deus, quando se viram no meio dos tiros. Segundo testemunhas, policiais estavam passando pelo local quando avistaram um suspeito, iniciando os disparos. Já a PM, afirma que não houve registro de confronto envolvendo policiais do batalhão da área. O batalhão da região, 41º (Irajá), batalhão esse que mais mata no Rio de Janeiro, alega que os tiros partiram de um “veículo de origem desconhecida”.

Nas redes sociais moradores relatam: “O senhor era meu vizinho. Chegando do trabalho. Morava sozinho. Não tem ninguém da família”, uma moradora lamentou os tiros terem atingido um dos idosos. “Uma senhora com tiro na perna, outra no pé e a filha da senhora que levou (tiro) no pé levou (tiro) nas nádegas (tem somente 6 aninhos). Estavam todas perto desse senhor”, relatou outra moradora.

Moradores erguem barricadas em protesto contra a violência policial / Foto: Repordução

Em breve mais informações.

* Editado: 22h 26m

Deixe seu comentário: