Antifascistas invadem ato público da extrema direita em Girona, na Catalunha

Imagem: Reprodução

Na última quinta-feira (06/12) militantes realizaram contra um ato público que tinha como objetivo marcar o 40° aniversário da Constituição espanhola, na cidade de Girona, norte da , Espanha, apoiado por diversos partidos conservadores, incluindo os de nacionalistas de extrema direita “Vox” e “Partido do Povo”.

Os manifestantes tentaram obter acesso à Praça 1° de Outubro, a fim de interromper o comício, mas foram impedidos pela polícia acusada de cassetetes. Segundo fontes locais, 15 manifestantes e seis policiais ficaram feridos na confronto, um dos quais em estado grave. Uma pessoa foi presa.

O Vox entrou em um parlamento regional pela primeira vez na segunda-feira, depois que eles ganharam 12 assentos nas eleições realizadas na Andaluzia.

Mais tarde, no mesmo dia, outro confronto entre a repressão policial e os antifascistas, desta vez em Terrassa, na área metropolitana de Barcelona, ​​resultou em duas prisões e pelo menos sete pessoas feridas.

Imagens da ação dos antifascistas contra extrema direita:

Rafael Daguerre

Fotojornalista/Videorrepórter

Um dos fundadores da Mídia1508. "Ficar de joelhos não é racional. É renunciar a ser livre. Mesmo os escravos por vocação devem ser obrigados a ser livres, quando as algemas forem quebradas" ― Carlos Marighella.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published.